Manutenção e Reparo de Binóculo – Conserto de Binóculos

27 de agosto de 2009 » Post Anterior:

Tive um problema recente com um binóculo 25×100 da Skymaster em uma objetiva onde mesmo tentando colimar com a velha chave de fenda com o binóculo montado no tripé a colimação do Binóculo não ficava com foco nítido, foi ai que procurei alguém que pudesse reparar o binóculo, foi em minhas buscas conheci o Ronaldooo!! o_0 calma ai não e Ronaldoo!!, Ronaldoo!!.. Atacante Não, não resisti a piada! É o Ronaldo pobre e gente boa mesmo, mais conhecido como Naldinho do binóculo ou simplesmente Naldinho, que conta com uma vasta experiência com binóculo desde sua época de serviço militar em 1993, onde ele aprendeu a mexer em ótica, precisamente em binóculos. Foram várias manutenções nos DFV, o mais comum em sua época. Ao longo desses anos, como hobby, desenvolvendo a técnica de manutenções em binóculos. Já são 16 anos de vasta experiência na área. Agora na era digital como diz ele, resolveu divulgar seus serviços para dar suporte a quem precisa. E ele fica feliz em ser o pioneiro no Orkut a mostrar o binóculo como ele é. Em vista ser uma atividade que não existe mais, as poucas lojas especializadas que restaram, cobram muito caro pelo serviço de manutenção em binóculos. O valor do serviço e combinado diretamente com ele. Ele recebe todos com muita atenção e com prazer querendo sempre ajudar, na conserto e reparo dos Binóculos. Onde eu enviei o meu Binóculo na segunda já na sexta feira eu já estava com ele todo colimado e perfeitamente nítido.

Em seu orkut você encontra vários mini manuais e imagem explicativa falando dos Binóculo, resolvi postar alguns manuais aqui, para quem quiser conhecer mais seu binóculo.

Entenda o seu Binóculo:
binoculo
1 – Lentes oculares – onde colocamos nossos olhos. 2 – Pupila de saída – Quanto maior o diâmetro mais luz é captada tornando a imagem mais clara e nítida aos nossos olhos. 3 – Magnificação – relação da aproximação com diâmetro da objetivada. Nesse caso aí quer dizer que o binóculo aproxima 15x a imagem com objetiva de 70mm. 4 – Campo de visão – Tem relação com o poder de aproximação. Nesse caso aí quer dizer que você enxerga a 77 metros um objeto que está a 1000 metros. 5 – revestimento do sistema ótico – revestimento anti-reflexo. Não é via de regra, mas d um modo geral é assim definido – Coated – razoável / Multi Coated – Bom / Fully coated – Ótimo / Fullymulti Coated – Excelente / Fully Broadband Multi Coated – Excepcional. 6 – É o tipo de Prisma / Bak4 – A matéria prima é Barium Crown – O melhor / Bak7 – A matéria prima é Borosilicato – inferior ao Bak 4. 7 – Nessa parte tem uma marcação que informa em qtos. graus o binóculo está sendo aberto para o perfeito alinhamento com sua pupila. 8 – Ajuste Central de foco

9 – Entrada para tripé. nem todo binóculo possui
binoculo1

10 – Ajuste de dioptria – regulagem usada para ajustar o foco da vista direita
binoculo2

11 – Objetivas – Por onde são localizados os objetos e por onde o binóculo capta luz. qto. maior a objetiva mais luz é captada, tornando a imagem clara e nítida
binoculo3

Revestimento do Sistema Ótico:
coated
Revestimento coated – observe que na superfície da objetiva aparece o reflexo de luz azulado, já o reflexo de luz que atinge os prismas é ambar (branco, claro…). Note que quando observamos pelo binóculo algo muito brilhante, como a lua, por exemplo, tende a aparecer vários reflexos internos, o que comumente chamamos de fantasmas. É devido a esse tipo de revestimento ótico.

fully-multicoated
Revestimento Fully Multicoated – Observe que tanto na superfície da objetiva quanto nos prismas a coloração é uniforme, predomina o verde. Com esse tipo de revestimento, toda luz que entra no sistema ótico é aproveitada, eliminando assim o efeito fantasmas, os reflexos internos quase por completo.

Comparação Lentes Rubi e os com revestimento tradicional
lente-rubi
Ao lado esquerdo uma objetiva com revestimento tradicional sob o fundo real do céu. vista real. Ao lado direito uma objetiva com tratamento Rubi, imagem ainda mais azulada do céu.

lente-rubi1
Ao lado esquerdo uma objetiva com revestimento tradicional sob fundo branco. Vista real. Ao lado direito uma objetiva com tratamento Rubi, imagem azulada.

lente-rubi2
Ao lado esquerdo uma objetiva com revestimento tradicional, ao lado direito uma objetiva com tratamento Rubi. É notável na foto o efeito espelho na lente rubi. Isso causa também perda de luminosidade.

lente-rubi3
Vista de um binóculo com revestimento tradicional – imagem clara e real.

lente-rubi4
Pupila de saída com revestimento tradicional – imagem clara e real.

lente-rubi5
Pupila de saída de um binóculo com lentes rubi – efeito azulado

lente-rubi6
Vista por um binóculo com lentes rubi – efeito azulado

aberracao-cromatica
Aberração cromática: Numa linguagem bem simples, para que você possa entender, em todo vidro há dispersão e esse índice tem relação com o comprimento das ondas. Usei uma lente objetiva simples e você pode reparar que o comprimento das ondas (cores) não são uniformes, elas não atingem o mesmo eixo (área focal ou plano focal), gerando assim as famosas aberrações cromáticas. Corrigi-se quase que totalmente esse problema com lentes em dubleto.

lente-acromatica
Lente Acromática: Em linguagem simples, como você pode perceber, na lente acromática, existem duas lentes coladas (dubleto), sendo uma convergente e outra divergente, consegue-se então, quase que alinhar totalmente o comprimento das ondas (cores) e o alinhamento das mesmas no eixo (área focal ou plano focal). Como isso é eliminada quase que totalmente a aberração cromática.

luz-trajeto
Trajeto de luz em binóculos tipo porro: Em linguagem popular, a luz entra pela lente objetiva, percorre os prismas, passa pelas oculares (usei as simples) e chega a sua pupila. ps. Os prismas não ficam exatamente nesse posição, ficam meio que cruzados. É só para ilustrar a passagem de luz.

efeito-barril
Efeito Barril: Em linguagem simples, tem-se esse efeito quando o conjunto ótico não consegue focar um campo plano.

efeito-almofada
Efeito Almofada: A mesma causa do efeito barril – deficiência ótica.

teste-comparativo
Teste de Magnificação e Frieza do sistema ótico: Esse teste comparativo foi realizado sob as mesmas condições de tempo (clima), hora, distância e local. No comparativo podemos observar as diferenças entre magnificações. Podemos ver que o bino que mais aproxima é o astroview 15×70, depois o tento 12×40 e por último o nikon 8×40. Quanto a frieza das lentes (tipo de revestimento ótico), o astroview tende a mostrar a imagem mais próxima a cena real, o tento tem um efeito amarelado, já o nikon um efeito frio, meio azulado, o que são características próprias de seus fabricantes e suas óticas. uma dica: no meu monitor, que é LCD, eu viro um pouco a tela para trás e olho a foto da base da tela para cima, aí mostra o efeito da frieza ótica com mais nitidez.

teste-comparativo1
Teste comparativo: Acrescentei a foto com a observação feita por um binóculo Rongda, à esquerda, onde o cenário muda totalmente. A imagem tem um tom azulado muito forte. Não foi usado o recurso de zoom nesse bino.

teste-comparativo2
Teste comparativo: Nesse comparativo também se percebe a diferença na frieza do tratamento do revestimento ótico. O bino de cima é um Rongda o debaixo um Astroview. Percebe-se o tom azulado na pupila de saída do Rongda, enquanto na pupila do Astroview o cenário é bem real.

ajuste-de-foco
Ajuste de foco: Vejo dúvidas em algumas pessoas quanto ao ajuste de foco: primeiro passo – feche a vista direita. Com a vista esquerda aberta, ajuste o foco central como mostra a foto. Abra os olhos e vá para o segundo passo.

ajuste-de-foco1
Segundo passo – com o olho esquerdo fechado, faça o ajuste na ocular direita como mostra a foto. Pronto. Abra os olhos e bom uso. Sendo sua vista normal, use o ajuste de foco central para ajustar o foco nas observações com distâncias diferentes. Se sua vista não for normal, repita os passos 1 e 2 para as diferentes distâncias.

binoculo-zoom
Binóculos com Zoom: Procuro sempre uma linguagem simples, para que todos possam entender, então não entrarei em detalhes técnicos. Binos com zoom tendem a ter o ângulo de visão menor e imagens mais escuras devido ao grande aumento. Outro fator é a construção da mecânica do zoom. Acrescentam-se mais peças móveis, geralmente plásticas, que com o tempo acabam se desgastando e até mesmo soltando ou quebrando como nas fotos. É normal muitas pessoas queixando-se que o zoom parou de funcionar ou que está funcionando só de um lado. Eu, particularmente, não indico binos com zoom. Esse é apenas um dos problemas apresentados em binóculos com zoom. Peças plásticas que se quebram facilmente.

binoculo-zoom1
Se você possui um bino com zoom, procure usá-lo o menos possível e com movimentos bem suaves.

Um pouco do último trabalho de Naldinho fiquei impressionado dele fazendo manutenção no: Binóculo da Marinha – Gigante
binoculo-marinha-gigante

Binóculo da Marinha – Gigante 2, mais sobre seu trabalho e informações o acompanhe no seu orkut o seu trabalho, assim com seus manuais como: suporte para câmera, e a manutenção dos binóculos entre outros feito por ele.
binoculo-marinha-gigante2

Tendo algum problema com seu binóculo agora já sabe a quem procurar para Manutenção e reparo. Acompanhe o seu trabalho no Orkut ou em seu Email e MSN: naldinhonh@ig.com.br.

Envie por email:





Envie por email:

Categoria: Internet » Manutenção e Reparo de Binóculo – Conserto de Binóculos

6 Comentários | Adicionar comentário

  • 1. Rodrigo  |  18/09/09

    PO eu tenho um binoculo
    mais a parte do movimento dele quebrou com uma queda

    marca; hoya Sony
    profissional Uso em operaçoes policiais
    Responda o preço

  • 2. ricardo gomes de araujo  |  28/09/09

    ola bom dia
    estou com um binoculo modelo nasa 20/50 que esta com a lente objetiva larajada danificado, antigo dono pegou e passou bombril tirando cor laranja e ofuscando lente gostaridde saber se vc tem uma lente dessa por que esse binoculo e muito bom ou se possivel recupera minha
  • 3. jose carlos dos santos  |  17/10/09

    muito bom parabens por sua iniciativa ajudou-me bastante adquiri recentemente um binoculo sakura 10x-90×80 zoom se o sr poder ajudar sera que nao tens ai um manual desse binoculo obrigado e mais uma vez parabens
  • 4. marcus  |  19/10/09

    Por Favor, Você poderia informar telefone de NALDINHO, aqui na empresa temos alguns binoculos que precisam de manutenção e não acho peças.
  • 5. jose carlos dos santos  |  24/06/10

    sera que o sr pode arrumar meu binoculo da sacura 10x-90×80 com zom pois ate a travas dos prismas para tentar limpa-lo pois havia escurecido um pouco como devo proceder obrigado aguardo
  • 6. Dativo Marques  |  19/05/12

    Prezado, estou com um binóculo de uma amiga que ficou sem uso por uns bons anos. É um Carl Zeiss Jena – Pentekarem 15 x 50. Pelo que pude observar, ele está em boas condições de conservação. Sem arranhões, nem sinais de queda, mas o ajuste de foco central, bem como o da esquerda, não se movem, não giram. Acredito que seja apenas um problema de lubrificação. Não consegu encontrar na Internet uma oficina especializada, mas descobri este seu site. Gostaria de saber se você poderia me informar o contato do Ronaldinho, se é que ele mora/trabalha no Rio de Janeiro, ou uma oficina aqui também, para um orçamento. Muito obrigado.

Deixe seu Comentário

Obrigatório

Obrigatório, (não publicado)

URL para Trackback





Posts Recentes:

Random Posts:

Feeds